MENU

 Revisão >> Revisão das principais matérias do Vestibular
Revisão de Português
 
Concordância Nominal

 

Concordância Nominal 

Regra geral: O adjetivo e as palavras adjetivas (artigo, numeral e pronome) concordam em gênero e número com o substantivo a que se refere.
Ex: Revistas novas. (Feminino - Feminino, Plural - Plural).
- Um só adjetivo qualificando mais de um substantivo.
- Adjetivo posposto aos substantivos.

1º. Caso:
Quando o adjetivo é posposto a vários substantivos do mesmo gênero, ele vai para o plural ou concorda com o substantivo mais próximo.
Ex: Tamarindo e limão azedos (azedo).

2º. Caso:
Se os substantivos forem de gêneros diferentes, o adjetivo pode ir para o plural masculino ou pode concordar com o substantivo mais próximo.
Ex: Tamarindo e laranja azedos (azeda).

3º. Caso:
Quando o adjetivo posposto funciona como predicativo, vai obrigatoriamente para o plural.
Ex.: O tamarindo e a laranja são azedos.

Adjetivo anteposto aos substantivos:
1º. Caso:
Quando o adjetivo vem anteposto aos substantivos, concorda com o mais próximo.
Ex.: Ele era dotado de extraordinária coragem e talento.

2º. Caso:
Quando o adjetivo anteposto funciona como predicativo, pode concordar com o substantivo mais próximo ou pode ir para o plural.
Ex: Estavam desertos a casa e o barraco.  
Estava deserta a casa e o barraco.

Um só substantivo e mais de um adjetivo:
1º. Caso:
Ex.: O produto conquistou o mercado europeu e o americano.
O substantivo fica no singular e repete-se o artigo.

2º. Caso:
Ex.: O produto conquistou os mercados europeu e americano.
O substantivo vai para o plural e não se repete o artigo.

Outros casos de concordância nominal:
1º. Caso:
Bastante:
- Função adjetiva: Variável - refere-se a substantivo.
- Função adverbial: Invariável - refere-se a verbo, adjetivo e a advérbio.
Ex.: Ele tem bastantes amigos (substantivo).
Eles trabalham (verbo) bastante.
Elas são bastante simpáticas (adjetivo).
Obs.:
- Nessa regra, podemos incluir ainda as seguintes palavras: meio, muito, pouco, caro, barato, longe. Só variam se acompanhar o substantivo.

2º. Caso:
Palavras como: quite, obrigado, anexo, mesmo, próprio, leso e incluso são adjetivos. Devem, portanto, concordar com o nome a que se referem.
Ex.: Nós estamos quites com o serviço militar.
Ela mesma fez o café.
Obs.: A expressão "em anexo" é invariável.
Ex.: As cartas seguem em anexo.

3º. Caso:
Se nas expressões: "é proibido", "é bom", "é preciso" e "é necessário", o sujeito não vier antecipado de artigo, tanto o verbo de ligação quanto o predicativo ficam invariáveis.
Ex.: É proibido entrada.
- Se o sujeito dessas expressões vier determinado por artigo ou pronome, tanto o verbo de ligação quanto o predicativo variam para concordar com o sujeito.
Ex.: É proibida a entrada.

4º. Caso:
As palavras: alerta, menos e pseudo são invariáveis.
Ex.: Os vestibulandos estão alerta.
Nesta sala há menos carteiras.

Caso:
Nas expressões "o mais ... possível" e "os mais ... possíveis" , o adjetivo "possível"concorda com o artigo que inicia a expressão.
Ex.: Carro o mais veloz possível.
Carros os mais velozes possíveis.
Carros o mais velozes possíveis.

 

<<< Voltar

 

 
 Página Principal

Fale Conosco | Anuncie Aqui | Cadastro | Notícias | Home



 

VestibularWeb - O Site de dicas, notícias e novidades de vestibular pra vc! Desde 07/2000

Topo

.